O tempo e o amor


Sinto sua falta. Falta de tudo que deixamos de viver. Dos dias que não amanheci ao seu lado e das noites que não te dei um beijo para te desejar bons sonhos.

O tempo vem passando e vou me acostumando com a ideia de não mais te ter. Tão machucada pela falta que você me faz, tenho buscado a cada dia maneiras para seguir em frente. Sem muita alternativa, encontro forças, pois sem elas eu deixaria de viver.

Você perdeu o "time". Fiquei em pé esperando por algo que não ia acontecer mesmo. Você já sabia e por tantas vezes me avisou. Só eu acreditava que o amor seria capaz de te transformar. Não achei que um dia fosse te dizer que você está me perdendo, mas hoje é o que está acontecendo.

Não percebe o tamanho da mulher que te ama e se dedica a você. Tenta não pensar muito para não encarar o tamanho dessa perda, pois afinal você ainda acredita que sempre estarei aqui. E a perda maior, você sempre achou que estava em abrir mão dos seus anos de  vida anteriores a minha chegada. Esquece-se que o passado está vivido e nada se perde do que se conquistou. Mas o que será de agora em diante só depende de como encaramos as oportunidades.

O amor existe e sempre existirá, não é disso que estamos falando. Te conheço de outras vidas e esse amor é muito maior do que imagina. E é exatamente pelo tamanho desse amor, que ainda estamos ligados apesar de tanta dor. A questão é que preciso de mais do que o que você pode me dar agora. Afinal nunca fui sua prioridade, apesar de você sempre ter sido a minha desde o dia em que entrou em minha vida. Não suporto mais viver um amor restrito de horas limitadas. Quero você a toda hora e não apenas nos momentos em que está disponível.

Me sinto enjaulada esperando por meu algoz que me alimenta uma vez por dia. E me contentei em te esperar todos os dias não pela fome física, mas pelo amor que vibra em minha Alma. Mas agora preciso sair desse ambiente que não mais me cabe. Aqui é bem pequeno, está úmido e muito frio. Tudo é  triste e sem cor. A fome corrói, a falta de afago congela meus ossos.

Não há relacionamento que sobreviva sem presença, sem reciprocidade, sem futuro e sem planos. Não é o nosso amor que está acabando, é o nosso relacionamento.

Eu também mereço receber, pois apesar do amor incondicional, sou humana. Preciso ser cuidada e amada como assim faço por você até nos meus atos mais simples. Eu mereço ser feliz porque sou uma mulher de vôos altos, de grandes conquistas e valores verdadeiros. Sou exatamente como você, de qualidade rara e digno de felicidade, mas não entendo porque não opta por ela.

E assim, por falta de mudança da sua parte, fiz a minhas malas e juntei todos os meus balões de amor, enquanto neles ainda exista ar para respirar. Preciso ter a chance de ser feliz, mesmo que sabendo que é com você que tenho os sonhos mais lindos. Mas não é comigo que você quer dividir uma vida.

Você não me deu uma chance porque o meu peso na balança é menor. E agora, até mesmo por falta de escolha, a aceitação me toma o peito e sigo numa nova caminhada ainda sem rumo.

Sim, o tempo mostra tudo, e assim como você acha que eu cheguei atrasada em sua vida, pode ser que você também já esteja atrasado para recuperar o sonho que existe em mim.

Esse é o tempo de amores perdidos por falta de coragem. Tão triste como um dia sem sol na praia. A diferença é que deixar ir é uma escolha. Já a presença do sol, não depende de nós. O problema é quando atribuímos as nossas escolhas ao acaso da vida e só descobrimos que podíamos ter feito diferente apenas quando o sol já se pôs.

"Azar no amor não existe, o que acontece é erro humano."

Comentários